comportamento

A elegância de um sorriso

Ainda lembro a primeira vez que assisti ao clássico "Bonequinha de Luxo". Me encantei de cara. Passei dias e dias fascinada com as luvas que subiam até os cotovelos de Holly Golightly, personagem icônica de Audrey Hepburn. O vestido preto, o cabelo em um coque elegante, a inocência da jovem que queria encontrar um grande amor.… Continuar lendo A elegância de um sorriso

Anúncios
comportamento, Filmes e Séries, Textos da mari

Obrigada, Harry Potter

No último sábado, perdida entre o tédio e as obrigações, estava procrastinando em frente à TV, zapeando de canal, em busca de algo que justificasse o fato de eu não estar estudando ou lendo algo importante. Acaba que esbarrei com um filme que tenho na prateleira, mas, sempre assisto quando passa na TV. Harry Potter… Continuar lendo Obrigada, Harry Potter

comportamento

Um sopro de felicidade

Demorei mais do que o de costume para escrever esse texto. Não sei bem ao certo porque. Talvez porque a felicidade seja algo tão abstrato que eu não encontrava uma maneira de traduzir esse sentimento em palavras. Mas, vamos lá, porque a felicidade anda fazendo morada por aqui e eu to aproveitando para curti-la um… Continuar lendo Um sopro de felicidade

comportamento

Um fato isolado (o que eu aprendi com o Han Solo)

Entrei em casa engasgada. A raiva, a tristeza e a culpa me consumiam. Como posso dar uma chance ao novo se não consigo perdoar o erro do passado? Mil ideias zumbiam na minha cabeça e o barulho me incomodava profundamente. Me joguei na cama e respirei. Fundo. Uma, duas, três vezes.  Tentei absorver e entender… Continuar lendo Um fato isolado (o que eu aprendi com o Han Solo)

comportamento

2017: um ano de férias para alma

Já faz algumas semanas que 2017 chegou e ele já começou com cara de bons amigos. Quando 2016 anunciou suas notas finais, me sentei para escrever sobre o ano em que me tornei adulta e fazer aquelas resoluções e listas para que o ano que fosse entrar viesse mais leve e mais colorido. Não sei… Continuar lendo 2017: um ano de férias para alma